Tracking Trip

Gramado em 4 dias – dia 3: Parque do Caracol, Parque da Ferradura, Canela e mais!

O nosso 3º em Gramado, não foi apenas em Gramado. Fomos conhecer o Parque do Caracol, o Parque da Ferradura, a cidade de Canela e muito mais! Confira nosso roteiro completo!

Roteiro do 3º dia

  • Parque do Caracol
  • Parque da Ferradura
  • Mundo Gelado
  • Centro de Canela
  • Reino de Chocolate
  • Mundo do Chocolate
  • Jantar: Sequência de Fundue no Maison du Rone

 

Confira aqui os outros dias:   Dia 1 –  Dia 2  –  Dia 4  )

E confira aqui o custo total da viagem

Vídeo do nosso 3º dia!

Optamos por fazer os dois parques e Canela no mesmo dia, pois os três são na mesma direção, mais afastados de Gramado. A primeira parada foi no Parque do Caracol, o mais próximo de Gramado, o primeiro no caminho.

Parque do Caracol

Pegamos um pouco de fila na entrada do parque, mas nada muito demorado. O ingresso para entrar custa R$ 18,00, sem direito a meia entrada e R$9,00 para crianças até 12 anos (até 5 anos não paga). Mas é um dinheiro bem gasto, o parque é muito bonito! (Ahh, estacionamento é incluso)

Achamos que não fosse esquentar muito durante o dia, pois quando a gente saiu do hotel estava bem fresco e choveu no dia anterior, mas nos arrependemos de não ir de bermuda. Então, se você tiver opção, não vá de calça!

Chegamos no parque e fomos entender um pouco do mapa, é possível entrar no site e imprimir o mapa por lá. Mas não levamos nada, conseguimos nos guiar bem pelas placas que existem espalhadas no parque. Conhecemos um pouco do mirante, que tem uma vista bem legal para a famosa cascata de 130 metros de altura! Então, encaramos a descida de 734 degraus para vê-la mais de perto! A descida é tranquila, fizemos em pouco mais de 10 minutos sem paradas. Mas cuidado, a escada balança um pouco e é escorregadia em algumas partes. Cascata do Caracol - Tracking Trip

Lá em baixo é um espaço pequeno e bem concorrido, até tem uns banquinhos para sentar, mas no geral estão ocupados. O Objetivo é bater algumas fotos, que ficam bem legais, recuperar o folego e subir novamente. Nós levamos uma garrafa de água na mochila, foi bem útil. Recomendamos que todos levem porque na subida, você vai precisar!

A subida foi mais complicada, ao longo das escadas existem alguns Pit Stops, onde é possível parar um pouco e descansar. Fizemos umas duas paradas e chegamos lá em cima bem cansados e suados. A escadaria equivale a subir um prédio de 40 andares!Subida Parque do Caracol - Tracking Trip

Recuperamos o fôlego e fomos andar em volta do parque para conhecê-lo melhor. Existem várias trilhas pequenas que levam a vários pontos do parque e da corredeira (que depois se transforma na cascata).

Corredeira Parque do Caracol - Tracking TripSão pontos bem bonitos e bem legais, o mais sem graça é o deck, que represa um pouco da água e não é natural. Mas se estiver com disposição para andar, conheça o parque todo que vale a pena. Tem diversas mini trilhas ao longo dele todos com pontos para observar os melhores locais, mas tome cuidado, a maioria deles não tem barras de segurança e basta um passo para cair na água. São todas trilhas curtas, de no máximo 5 minutos.

Após dar a volta no parque, paramos no Mirante Cascata do Caracol - Tracking Tripmirante, que tem outra vista para a cascata e tiramos mais algumas fotos. De lá, é possível ver o bondinho e como ele fica muito longe da cascata, decidimos por não pegá-lo, pois é um custo a mais e acreditamos que não teria uma visão melhor que aquela no fim da escadaria. Passamos então na feira de artesanato em busca de imãs! Nossa paixão! Adoramos colecionar imãs dos lugares que visitamos! Conseguimos achar uns bem legais e num preço bom (é claro!). Compramos e fomos embora para o Parque da Ferradura.

Parque da Ferradura

O ingresso do parque custa R$ 12,00 para adultos e R$ 6,00 para crianças até 12 anos. O Parque em si é mais bonito que o Parque do Caracol, com uma vida silvestre maior também (sim, estamos falando dos quatis que vimos por lá). A vista do Mirante da Ferradura é lindíssima e de tirar o fôlego! Mas em questão de água, o parque do caracol bate de 10 a 0 (também, com aquela Casata!)Mirante da Ferradura - Tracking TripO parque também possui várias trilhas, mas são mais avançadas e mais demoradas. Como chegamos um pouco tarde, não daria para fazer todas, então fizemos apenas a menor, que leva ao Mirante da Cascata do Ar Caçador e tem uma vista legal do vale, mas a vista do mirante principal é mais bonita e você nem precisa andar tanto!

A trilha que não fizemos leva à uma cachoeira, onde é possível tomar banho e é legal para chegar lá cedo e poder aproveitar uma parte do dia. Como estávamos com um pouco de pressa e não tínhamos levado roupa pra isso, nós não fomos lá. Além disso, é uma trilha que leva 1 hora para ir e cerca de 2 horas para voltar, então se for fazer, vá com tempo e disposição! E é trilha de mata, sem muita estrutura.

Após retornar da trilha, sentamos um pouco nas pedras para descansar e curtir um pouco da natureza. Ficamos por lá um tempo e fomos embora, pois ainda tinha muita coisa para ver!

Mundo Gelado


mundo gelado
É um mini museu, com algumas esculturas feitas inteiras de gelo. A idéia do lugar é muito legal, mas o lugar é pequeno e acaba demorando muito para juntar a turma para fazer a visita, até todos colocarem os casacos e tal. O tempo de preparação para conhecer lá dentro é maior do que o tempo gasto vendo as esculturas. A temperatura varia de -10ºC à -20ºC, e faz bastante frio. Os celulares e equipamentos eletrônicos começam a falhar, então tome cuidado com os seus!
O valor do ingresso que pagamos foi R$ 27,00 por pessoa, o que achamos bem caro para a atração. Mas se você souber seu roteiro com antecedência, pode fazer uma busca, pois chegamos a ver ingressos vendidos pelo Peixe Urbano por R$10,00, então vale a pena procurar.

mundo gelado2

20150606_155022

 

 

Cidade de Canela

Catedral de Pedra Canela - Tracking TripA cidade de Canela também é muito bonita, bem parecida com Gramado. Nossa primeira parada lá foi na Catedral de Pedra, a principal igreja da cidade, que é bastante impressionante! Tiramos algumas fotos, conhecemos a igreja e a pracinha onde ela fica e fomos conhecer uma fábrica de chocolate que afirmava ser mais barata e melhor que as outras.

Fomos então para a Eriel Chocolates, era de fato mais barata mas não tinha tantas opções. Compramos um pouco, conseguimos barganhar um pouco o preço por pagar em dinheiro e fomos embora. Mas no fim, o chocolate também não era muito gostoso.

Aproveitamos para passar em outras lojas grandes que tinham ali perto, como a Florybal, onde compramos bastante coisa. Realmente o preço da Eriel era melhor, mas a variedade da Florybal era muito maior, e quando você come o chocolate, vai preferir ter pagado a mais na Florybal. (Aliás, a Florybal tem uns bonbons que não vimos em nenhumas das outras 3 grandes chocolaterias, e achamos os bonboms deles mais gostosos também. Então, para bonboms, comprem deles, as barras são melhores na Caracol e Lugano)

Demos uma volta pela região da praça da Catedral de Pedra, pegamos e carro e fomos embora, no final da tarde.

Mundo a Vapor e Reino de Chocolate

mundo a vaporNa volta para Gramado, fomos fazendo algumas paradas pelo caminho, isso porque grande parte das atrações ficam na estrada entre Gramado e Canela.Paramos no Mundo à Vapor, apenas para tirar foto na porta mesmo, com a famosa Maria Fumaça caindo. Tínhamos lido que o museu não é muito legal por dentro, que vale a pena para crianças apenas, então decidimos só tirar a foto na fachada, que é demais!

Outra das paradas foi no Reino de reino do chocolateChocolate, a maior loja da Caracol Chocolates, que possui  também uma fachada bem legal. Além disso, lá possui a atração que conta a história do cacau com bonecos animatrônicos, mas não pagamos para ver (10 reais por pessoa), já sabíamos que seria infantil e ficamos apenas na parte da loja mesmo, comprando vários chocolates!

Saindo de lá, fomos para o Hotel, tomamos um banho e fomos procurar algum rodízio de Fundue para comer, afinal , ir para Gramado e não comer um Fundue não dá!

Mundo do Chocolate

Mundo de Chocolate Torre Eifel - Tracking TripAproveitamos que não estava muito tarde para passear no centro da cidade a noite, e fomos conhecer o Mundo do Chocolate, uma atração da fábrica da Lugano e que fica aberta até as 20h. Lá é possível ver várias miniaturas de atrações turísticas do mundo inteiro feitas 100% de chocolate! A quantidade de chocolate gasto, o peso e o tamanho das estruturas são absurdos! Eles possuem a maior Torre Eifel feita de chocolate no Mundo e que vai entrar no Guiness! Claro que não podíamos deixar de tirar uma foto lá! Mas para tirar a foto tem um custo de R$15,00. Uma parte da atração é aberta para fotos e filmagens, mas a partir de um ponto eles não deixam mais e ai você tem que comprar. A dica aqui é que se você compra uma foto com eles, eles deixam você tirar foto em outro local com seu celular, mas escolhemos tirar foto com a mesma torre, pois é a escultura mais sensacional do lugar!

Como uma boa atração turística, a visita termina 20150606_195254na loja da Lugano, onde compramos mais um moooonte de chocolate, inclusive um licor de chocolate artesanal com copinhos de chocolate, produzido por eles também. Muito bom! Tem várias opções de misturas com chocolate.

Uma dica: pegamos um folder no hotel que dava direito a um brinde. Nós apresentamos e ganhamos um Kikito de chocolate! (Mais chocolate!! Nham)

Jantar: Sequência de Fundue

sequecia de fundueSaímos da Lugano e fomos comer uma sequência de Fundue no restaurante Maison du Rone, quase em frente a própria Lugano. Foi muito gostoso e ficamos bem satisfeitos. Foi um dos lugares mais baratos que encontramos, R$ 37,00 por pessoa. Começa com um Fundue de queijo e vários pães, depois um Fundue na Pedra, que é uma espécie de chapa onde é possível grelhar pedaços de carne, frango e porco. Além disso, acompanha vários molhos, bem gostosos. E para fechar, um Fundue de chocolate com várias frutas e biscoito wafer! O melhor disso é que você pode comer o quanto quiser, enquanto você estiver comendo, eles continuam trazendo mais pão, carne ou frutas! Para melhorar ainda mais, eles estavam servindo Chopp Zero Grau da Gram Bier, uma cervejaria da cidade, muito gostoso!
Nos esbaldamos de comer lá, a Thainá tomou um drink também e a conta não ficou cara. Como já dissemos, os restaurantes possuem transfer para o hotel, o nosso nem era tão longe, mas estávamos cheios demais e tinha esfriado um pouco, então pedimos pelo transfer do restaurante, que nos pegou e deixou na porta do hotel!

Assim, encerramos nossa última noite em Gramado! Próximo dia, volta pra casa 🙁

Galeria de Fotos dia 3

3

Não esqueça de conferir os outros dias do roteiro:   Dia 1 – Dia 2  –  Dia 4  )

E confira aqui o custo total da viagem

Deixe uma resposta